Seja bem-vindo ao BRASIL DE DENTRO. Vamos tirar o Brasil da gaveta!

LEIA!

O BRASIL DE DENTRO é um blog que não visa lucro. Seu objetivo é apenas um: desvendar o Brasil para os brasileiros. Quer ajudar a concretização desse objetivo? Faça o seguinte: divulgue o BRASIL DE DENTRO entre seus amigos. Um grande abraço!

CAMPANHA "VAMOS TIRAR O COMPOSITOR DA GAVETA"

Ajude a preservar a memória do compositor brasileiro. Adote um álbum, e, se tiver acesso aos créditos das canções, informe, nos comentários, o título de cada canção na ordem em que aparece, seguido do nome dos compositores.

COMO BAIXAR OS ARQUIVOS DESEJADOS

Tenha certeza de que você está na página dedicada ao artista procurado, e não apenas vendo uma determinada postagem, como uma nota de atualização ou uma nota biográfica. Procure selecionar o artista clicando sobre seu nome na lista apresentada no final da página.

A página do artista apresenta a seguinte ordem: biografia, vídeos disponibilizados no Youtube e as capas dos álbuns com os respectivos links. Para baixar os álbuns, basta clicar na imagem do canário abaixo da frase "TIRE ESTE ÁLBUM DA GAVETA".

quinta-feira, 6 de agosto de 2015

CRISTINA SARAIVA

Em 1996, passou a atuar profissionalmente como produtora fonográfica, fundando o selo Tiê Musical. Nesse mesmo ano, lançou o CD "Diamantes", de Giselle Martine, no qual a cantora registrou duas canções de sua autoria: "Alma guerrilheira" (c/ Cláudio Matta) e "Criador de ilusão" (c/ Álvaro Socci e Cláudio Matta).

Lançou, em 1997, o CD "Cirandeiro", de Simone Guimarães. O disco, que recebeu duas indicações para o Prêmio Sharp (nas categorias Melhor Cantora e Melhor Arranjo) e teve três faixas incluídas em novelas de televisão, registrou o início de sua parceria com a cantora, nas canções "Laranjeiras" e "Canção para um pianista", além de "Estrela do meu bem querer", que fez parte da trilha sonora de "Serras azuis", novela produzida pela TV Bandeirantes.

Em 1998, lançou novo CD de Simone Guimarães, "Aguapé", que incluiu no repertório as faixas "Relento", "Hermanos", "Cantos pra despertar", "Minha terra" e "Olhos de fogo" , todas de sua parceria com a cantora.

Em 2000, suas canções "Guarde bem" (c/ Kico Zamarian) e "Vida" (c/ Kico Zamarian e Veca Avellar) foram gravadas por Kico Zamarian no CD "Oriente". Ainda nesse ano, participou do Prêmio Visa - Edição Compositores, com mais uma parceria com Simone Guimarães. Também em 2000, classificou para as eliminatórias do Festival da Música Brasileira (Rede Globo) sua canção "Primeiro olhar" (c/ Sérgio Farias), interpretada por Simone Guimarães.

Em 2001, foi contemplada com o Prêmio Melhor Letra, no Festival de Tatuí, com sua canção "Guarde bem" (c/ Kico Zamarian). Ainda nesse ano, lançou o CD autoral "Primeiro olhar", contendo suas canções "Laranjeiras", "Desafios", "Relento", "Fábula do riacho", "Hermanos" e "Sem despertar", todas com Simone Guimarães, "Fica só pó" (c/ Renato Motha), "Partida" (c/ Sérgio Santos), "Imagem" (c/ Jorge Vercilo), "Tarde sertaneja" (c/ Jaime Alem), "Segredo" (c/ Edu Santana) e "Guarde bem" (c/ Kiko Zamarian), além da faixa-título (c/ Sérgio Farias) nas vozes de Edu Santana, Giselle Martine, Jaime Alem, Kiko Zamarian, Márcia Tauil, Maurício Maestro, Renato Motta, Sérgio Santos e Simone Guimarães. O disco, foi produzido em parceria com Maurício Maestro, que assinou a direção musical.

Em 2002, venceu a XX Feira Avareense de Música Popular (Fampop), com sua canção "Indiviso" (c/ Felipe Radicetti), interpretada por Márcia Tauil.

Lançou, em 2003, o CD autoral "Só canção", que contou com a participação de Chico Barque, Leila Pinheiro, Ná Ozzetti, Dante Ozzetti, Simone Guimarães, Clarisse Grova, Renato Braz, Paula Santoro e Edu Santana. No repertório, "Na corda bamba", "Feito nascente" e "Além-mar", todas com Felipe Radicetti, "Rosa cigana" e "Meia volta", ambas com Rafael Altério, "Mestre Narciso" e "Beijo", ambas com Simone Guimarães, "Amor de poeta" e "Eterna canção", ambas com Theo de Barros, "Pedra por pedra" (c/ Edu Santana), e a faixa-título (c/ Dante Ozzetti), além de "Pequena cantiga de amor" (c/ Clarisse Grova), única faixa em que a letrista participa como cantora, em duo com a parceira. Ainda nesse ano, suas canções "Laranjeiras" e " Fábula do riacho", ambas com Simone Guimarães, foram incluídas no CD "Rios do Rio", produzido pelo UN-Habitat (Programa das Nações Unidas para os Assentaqmentos Humanos). Esteve no palco do Mistura Fina (RJ), apresentando suas canções na voz de Clarisse Grova e Rafael Altério.

Em 2004, dirigiu, juntamente com Juca Novaes e Nana Valente Soutinho, o jornal "Tambores", especializado em música popular brasileira.

Em 2006, lançou o CD “Sol a Sol”, com canções de sua autoria e parceiros interpretadas pela cantora Lucila Novaes.

Teve quatro canções de sua parceria com Felipe Radicetti registradas no CD “Sagrado Profano”, lançado pelo músico em 2009: “Cadafalso”, “Dois sem par”, “O louco” e “Albeggiare”.

Em 2012, lançou, com a cantora Simone Guimarães, o CD “Chão de aquarela”, com as seguintes parcerias de ambas: “Desafios”, “É saudade”, “Um canto de amor”, “Relento”, “Estrela da noite”, “Estrela do meu bem querer”, “Fábula do riacho”, “Na trilha do amor”, “Olhos de fogo”, “Fronteira”, “Beijo” e “Canção para um pianista 2”. O disco contou com a participação de Franklin da Flauta, Julio Santin (viola), Lia Gandelman (corne inglês) e André Mehmari (piano).



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Topo da Página ↑