Seja bem-vindo ao BRASIL DE DENTRO. Vamos tirar o Brasil da gaveta!

LEIA!

O BRASIL DE DENTRO é um blog que não visa lucro. Seu objetivo é apenas um: desvendar o Brasil para os brasileiros. Quer ajudar a concretização desse objetivo? Faça o seguinte: divulgue o BRASIL DE DENTRO entre seus amigos. Um grande abraço!

CAMPANHA "VAMOS TIRAR O COMPOSITOR DA GAVETA"

Ajude a preservar a memória do compositor brasileiro. Adote um álbum, e, se tiver acesso aos créditos das canções, informe, nos comentários, o título de cada canção na ordem em que aparece, seguido do nome dos compositores.

COMO BAIXAR OS ARQUIVOS DESEJADOS

Tenha certeza de que você está na página dedicada ao artista procurado, e não apenas vendo uma determinada postagem, como uma nota de atualização ou uma nota biográfica. Procure selecionar o artista clicando sobre seu nome na lista apresentada no final da página.

A página do artista apresenta a seguinte ordem: biografia, vídeos disponibilizados no Youtube e as capas dos álbuns com os respectivos links. Para baixar os álbuns, basta clicar na imagem do canário abaixo da frase "TIRE ESTE ÁLBUM DA GAVETA".

quinta-feira, 2 de abril de 2015

LÉO PINHEIRO

Desde a infância, no interior do estado do Tocantins, Léo Pinheiro tinha como brincadeira favorita a canção, e aos 7 anos de idade já se apresentava em festas e reuniões de família. Aos 10, gravou seu primeiro cd, “Coração de menor”, produzido por Moacyr Franco. Fez shows por todo o estado, participando de programas de rádio e tv locais.

Ainda menino com 14 anos, Léo gravou seu segundo trabalho, no qual se lançou como compositor. Em seguida, viajou pela Europa (Portugal e Inglaterra), apresentando-se em festivais de música, pubs e encontros culturais.

De volta ao país, foi convidado à participar da “Cia. Mulungo”, de Oswaldo Montenegro, formada em 2008 por jovens artistas selecionados de vários lugares do Brasil.

Com a Cia Mulungo, Léo foi indicado para o prêmio de melhor ator no XIV Festival de Teatro do Rio de Janeiro, cidade onde a Cia. de junho à outubro de 2009, apresentou-se semanalmente no projeto “Canjas” em performances de humor e música.

Em 2010 viajou com a Cia. Mulungo no espetáculo”filhos do brasil”, fez temporada no rio de janeiro nos Teatros do Jóquei e Café Pequeno, e em janeiro de 2011, se apresentou no Citibank Hall em São Paulo onde interpretou diversos personagens, entre eles, Claudiney Soares – um músico de bar em busca do sucesso.

Ainda ao lado da Mulungo, no Canal Brasil, gravou uma série de 13 programas com Jorge Mautner, Oswaldo Montenegro e Madalena Salles a série “Na trilha de Macunaíma”, lançada posteriormente pelo selo do próprio Canal Brasil em CD e DVD.

Nas telas do cinema, ao lado de Paloma Duarte, Françoise Forton e grande elenco, deu vida a história de “Léo e Bia” no premiado longa-metragem dirigido e roteirizado por Oswaldo Montenegro.

Em 2012, estreou em São Paulo o espetáculo solo “CLAUDINEY SOARES NA COMÉDIA DAS MARAVILHAS”. Uma mistura de musica e humor numa peça que leva o público da gargalhada a emoção. No mesmo ano lançou o disco “Léo Pinheiro canta Arnaud Rodrigues” em homenagem ao amigo, com releituras dos grandes sucessos de sua carreira e canções feitas em parceria com o homenageado.

Em 2013 fez o lançamento virtual do cd “Sol da Madrugada” produzido e arranjado pelo parceiro e amigo Oswaldo Montenegro que também participa na canção que dá nome ao CD resultado da primeira parceria de composição entre os dois artistas.

Atualmente Léo está viajando com um show onde apresenta canções de ambos os discos, além de seguir a parceria com Montenegro integrando o elenco de seu segundo longa metragem “Solidões”.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Topo da Página ↑