Seja bem-vindo ao BRASIL DE DENTRO. Vamos tirar o Brasil da gaveta!

LEIA!

O BRASIL DE DENTRO é um blog que não visa lucro. Seu objetivo é apenas um: desvendar o Brasil para os brasileiros. Quer ajudar a concretização desse objetivo? Faça o seguinte: divulgue o BRASIL DE DENTRO entre seus amigos. Um grande abraço!

CAMPANHA "VAMOS TIRAR O COMPOSITOR DA GAVETA"

Ajude a preservar a memória do compositor brasileiro. Adote um álbum, e, se tiver acesso aos créditos das canções, informe, nos comentários, o título de cada canção na ordem em que aparece, seguido do nome dos compositores.

COMO BAIXAR OS ARQUIVOS DESEJADOS

Tenha certeza de que você está na página dedicada ao artista procurado, e não apenas vendo uma determinada postagem, como uma nota de atualização ou uma nota biográfica. Procure selecionar o artista clicando sobre seu nome na lista apresentada no final da página.

A página do artista apresenta a seguinte ordem: biografia, vídeos disponibilizados no Youtube e as capas dos álbuns com os respectivos links. Para baixar os álbuns, basta clicar na imagem do canário abaixo da frase "TIRE ESTE ÁLBUM DA GAVETA".

sábado, 7 de dezembro de 2013

ANA LAÍNS

Ana Margarida Laíns da Silva Augusto, mais conhecida como Ana Laíns nasceu em Tomar, a 16 de Agosto de 1979.

É uma cantora portuguesa ligada ao fado. Paralelamente, a Música Tradicional Portuguesa é outra paixão de Ana Laíns, que gosta da definição de "cantora colorida".

Carreira

Tendo nascido em Tomar, Ana Laíns tem uma forte ligação a Constância, onde pela primeira vez que canta em público com apenas 6 anos. Só aos 15 anos é que canta o seu primeiro fado, “a pedido do pai, Manuel Augusto, militar de carreira” e “por insistência do fadista João Chora”.

Após ter vencido a Grande Noite do Fado de Lisboa em 1999, decide levar a sério a sua carreira musical e as suas atuações levam-na por vários países europeus como Alemanha, França, Bélgica ou Luxemburgo, atravessando até o Atlântico para cantar nos Estados Unidos da América.

No ano seguinte, em 2000, começam a surgir os seus primeiros registros em estúdio, através das participações em compilações.

Depois de assinado o seu primeiro contrato discográfico em 2003, Ana começa a gravar, no final de 2005, o seu disco de estreia contando com Diogo Clemente na direção musical e na produção.

Em abril de 2006 chega ao mercado o seu primeiro álbum, Sentidos. Nesta edição da Difference, Ana Laíns interpreta poemas de autores como Florbela Espanca, Lídia Oliveira ou António Ramos Rosa, sendo também possível encontrar assinaturas como Helder Moutinho ou Jorge Fernando.

A digressão de promoção de Sentidos passa também por Espanha, Bélgica, Holanda, Rússia ou Grécia.
No Verão de 2009 surge o convite de Boy George para gravar o tema “Amazing Grace”, que viria a ser incluído no seu novo trabalho Ordinary Alien, editado nos inícios de 2011.

Em 2010, no ano em que Ana Laíns assinala 10 anos de carreira, lança o seu álbum Quatro Caminhos, a 1 de Março, que conta novamente com a chancela Difference e com a cumplicidade de Diogo Clemente na produção e na direção musical.

Este segundo trabalho registra, em “Não Sou Nascida do Fado”, a estreia da fadista como responsável por uma das letras, ao lado de poemas de Natália Correia, o uruguaio Rubén Darío ou o brasileiro Carlos Drummond de Andrade. Na autoria da parte musical encontramos nomes como Amélia Muge, José Manuel David ou Filipe Raposo.

Ainda em 2010, Ana Laíns participa em dois temas do álbum Catavento de Beto Betuk, um trabalho que conta ainda com participações de artistas como Dulce Pontes ou Ivan Lins.

Discografia

Álbuns de Estúdio

2006 - Sentidos (Difference)
2010 - Quatro Caminhos (Difference)

Participações

Convidada

2011 - Ordinary Alien de Boy George (Decode Records) no single “Amazing Grace”
2010 - Catavento de Beto Betuk (JBJ & Viceversa) nos temas “Sob o Céu de Lisboa” e “Quase Haikai”

Compilações

2004 - Amália Revisited (Difference) Tema: “Povo Que Lavas no Rio” com JC Loops
2004 - Divas do Fado Novo (Difference) Tema: “Lisboa de Encontro”
2006 - Novo Fado (Difference) Tema: “Pouco Tempo”
2007 - Mediterraneo (Difference) Tema: “Pêra Madura”
2008 - Vila Faia (2008) Banda Sonora Tema: “Pouco Tempo”
2008 - Fado Presente : A Nova Geração do Fado (Farol) Tema: “Pouco Tempo”
2008 - Fado : Sempre! Ontem, Hoje e Amanhã = Always! Yesterday, Today and Tomorrow (iPlay) Tema: “O Fado que Me Traga”
2009 - Divas do Fado (iPlay) Temas: “Não Sou Nascida do Fado (Fado Meia-noite)” e “Esta Saudade Não Quer Partir”



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Topo da Página ↑